Renata Costa
17 de fevereiro de 2020
Categorias Empreendedorismo

Poder para empreender

Olá! Eu sou a Renata Costa, idealizadora e conteudista do blog Poder para Empreender. E eu, assim como você, nasci para brilhar. Eu e você, juntos, somos capazes de construir e transformar muita coisa, sabia? Basta que a gente acredite nisso, que a gente se sinta poderoso, apto, capaz de fazer diferente e sermos felizes.

Queria falar com você sobre empreender. Não sei se você já ouviu falar nisso ou qual é a ideia que tem sobre esta palavra, mas empreender significa nada mais, nada menos do que “fazer”. Sim, fazer, realizar! Então, trazendo para o nosso dia a dia, empreender não significa tão e somente ter um negócio como a maioria das pessoas imagina. Empreender também significa abrir espaço para realizar aquilo que gosta e que te faz feliz. Aquela vontade de cozinhar bem ou de aprender a jogar futebol, aquela necessidade de viajar e viver novas experiências, aquele ímpeto de ajudar o próximo, fazer algo de útil.

Empreender é realizar algo que pode movimentar a sua vida, te dar ânimo, fazer seu dia a dia diferente. Então, meu convite pra você é: vem empreender comigo? Acredito que existe esta força ai dentro de você que permite que você demonstre seus talentos e diga oi pro mundo! Ele tá louco pra conhecer gente como você, que veio para realizar algo de bom pra si mesmo e para aqueles que estão ao seu redor.

Vamos encontrar este poder de empreender que existe dentro de você? Eu estou aqui justamente para te ajudar nisso. Quero que você brilhe, tenha sucesso, se sinta poderoso e possa dizer em alto e bom tom: eu sou demais! E, se você já empreende, seja com um pequeno negócio ou não, eu também posso te ajudar. Vamos pensar fora da caixinha e fazer o seu negócio ser ainda mais próspero?

Não sei se já te contei, mas comecei minhas experiências empreendedoras com 6 anos, quando eu vendia os gibis que eu lia para comprar outros gibis, já que não tinha dinheiro para montar uma coleção. Aos 20 anos abri a minha primeira empresa, depois dela vieram mais duas. Aos 45, coloquei em pratica um projeto social do meu filho de 11 anos que resolveu empreender porque queria ajudar o próximo. Além de mim, conheço tanta gente que empreendeu e está super feliz! Tem a Dona Maria que faz o bolo mais gostoso do meu condomínio e já começou a vender para o condomínio vizinho; o Fred, que é porteiro do prédio, mas gosta de mexer no computador e já tem vários clientes querendo contratar ele para ajudar a resolver os pepinos da tecnologia; a Jô que é tão organizada, tão organizada, que agora todo mundo quer o telefone dela pra pedir uma ajuda na hora de arrumar o guarda roupa ou aquela pilha de documentos. São tantos Claudios, Flavias, Vanessas e Mauricios….

E você? O que está esperando? Junte-se a nós e corra o risco de viver fazendo aquilo que mais gosta. Eu acredito em você, sei que pode e consegue. E aí, vai aceitar a minha proposta?

Renata Costa
17 de fevereiro de 2020
Categorias Empreendedorismo